Seminário Nacional sobre gestão de hospitais públicos federais

Docentes realizam Seminário Nacional sobre gestão de hospitais públicos federais. O evento, realizado no auditório Lindemberg Farias do Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), da Universidade Federal da Paraíba, foi organizado pela APROIFESPB (Associação dos Professores da UFPB) e pela direção do HULW, com apoio do Proifes.

Participaram professores dos diversos cursos da saúde, estudantes, servidores e representantes do fórum em defesa do SUS e contra a privatização. Durante as colocações, os representantes dos docentes abordaram as dificuldades enfrentadas no dia-a-dia na administração do HULW, a falta de um debate sobre o tema, sobrecarga de trabalho, entre outras questões.

O ponto principal dos debates foi a EBSERH (Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares). Para a maioria dos servidores, a medida do governo é autoritária e abre precedente para outras formas de controle e privatização da saúde e da educação. No entanto, houve quem defendesse a criação da empresa. De acordo com este grupo, a EBSERH vai disciplinar o hospital, melhorando o cuidado dos servidores, que acabam se acomodando.

Na mesa redonda sobre o tema foram colocadas as seguintes questões: Quais as relações existentes entre docentes e assistências, tipos de contratações, carga horária, controle de presença, integração ensino-serviço, relações estudantes/profissionais/professores, pesquisas cadastradas em órgão de fomento e modelo de assistência. Explicaram as dificuldades enfrentadas e as facilidades em trabalhar com o referido modelo. Informaram que o Ministério da Saúde havia visitado o hospital para conhecer o seu funcionamento e basear o projeto da EBSERH no mesmo formato, porém não estavam ali garantindo que aconteceria da mesma forma.

Na conferência Desvelando a Administração Pública Brasileira, o professor Jordane Reis de Meneses, diretor Técnico do HULW, fez uma descrição da organização da administração pública, destacando as diferenças entre fundações estatais, OSCIP e empresas públicas, ressaltando avanços, retrocessos, vantagens e desvantagens para as instituições públicas.

 

Informações e foto APROIFESPB

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu