Festival de percussão 2 de julho

Neste ano de 2015, será realizada a sexta edição do Festival de Percussão da EMUS/UFBA, coordenado pelo professor e músico Jorge Sacramento. O primeiro festival realizado teve como objetivo encerrar os seguintes projetos de extensão do Núcleo de Percussão da UFBA que tiveram uma grande repercussão na cidade de Salvador: “Formação de Agentes Multiplicadores” onde Ilê Aiyê, Malê Debalê, Olodum, Muzenza, A Mulherada, Terreiro da Casa Branca, Terreiro do Cobre, foram algumas das 12 entidades que participaram; “Encontro Percussivo” que reuniu, na Escola de Música, grandes nomes do cenário musical baiano para um bate papo com alunos; e “Repercutindo nas Comunidades”, onde levamos para diversas comunidades o grupo de Percussão da UFBA, com o propósito de divulgar a percussão contemporânea.

Nas duas últimas edições, o propósito do festival tornou-se promover especificamente a percussão contemporânea. O último evento aconteceu em julho de 2012, no teatro do Goethe Institut, durante três dias, com presenças de nomes importantes da percussão sinfônica brasileira como: Joaquim Abreu, Gilmar Goulart, Antônio Barreto, Grupo de Percussão da UFBA.

Este ano, o festival será um evento especial, pois, pela primeira vez, estará oferecendo aos convidados uma estrutura instrumental profissional e de qualidade, visto que o Núcleo de Percussão da Escola de Música da UFBA foi contemplado, no último ano, com um investimento importante em instrumentos de percussão. Assim, o VI Festival de Percussão 2 de Julho, que será realizado entre os dias 13 e 18 de julho de 2015, contará com uma extensa programação de concertos, workshops, masterclasses e mesas redondas e estará recebendo grandes nomes da percussão sinfônica/contemporânea nacional e internacional.

Confira aqui a programação do Festival.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu