Docentes participam de cortejo no 2 de julho

No dia da independência da Bahia, professores e professoras foram às ruas participar das manifestações que marcam a data. A concentração foi na Lapinha e de lá, os docentes seguiram em passeata até o Pelourinho. Nas faixas, cartazes e camisas, frases em defesa da educação pública, dos direitos trabalhistas – incluindo os servidores terceirizados da UFBA, que vêm sofrendo cortes salariais – e contra o ajuste fiscal. Também houve panfletagem, com informações sobre as razões da greve e divulgação da campanha de doação de sangue “Eu dou sangue pela universidade pública, eu dou sangue pela UFBA”. A presidente da Apub, Cláudia Miranda, e os diretores Joviniano Neto e Luciene Fernandes participaram da caminhada.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu