Apub recebe demandas dos professores da Escola de Veterinária

A Apub ocupou espaço na programação da reunião da congregação da Escola de Veterinária esta semana. Segundo o diretor da entidade sindical, professor Joviniano Neto, eram três os objetivos: discutir a eleição de um representante da unidade, informar sobre as atividades da Apub e ouvir as demandas dos docentes.

Durante a conversa os professores entenderam a importância de eleger a representação, a fim de ampliar o canal entre os docentes, ressaltando as demandas, e a Apub. Entre as questões mais importantes indicadas pelo departamento, o pagamento do adicional de insalubridade. Segundo os professores, ao assumirem cargos de chefia, automaticamente, o benefício é retirado. No entanto, eles não se afastam das atividades. Isso penaliza o professor e dificulta o compromisso com essa tarefa. Do mesmo modo acontece quando saem para fazer mestrado ou doutorado, enfrentando grande problema para a reposição do benefício no contracheque.

Os professores questionaram a posição da Apub diante da possibilidade de greve. Joviniano lembrou que a opinião da diretoria é que uma greve deve ocorrer da mobilização e do consenso da maioria dos professores, após amplo debate com a base.

Outra demanda apresentada foi a realização de concursos para a universidade e para a própria escola. Segundo os docentes, existem cerca de 200 cargos a serem preenchidos, mas a informação é de que serão abertas apenas 50 vagas, o que é insuficiente para atender a necessidade da UFBA, inclusive de Veterinária.

A conversa marcou a retomada das reuniões da diretoria nos departamentos da universidade este ano. Outros encontros estão sendo agendados e devem continuar no próximo mês.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu