APUB lança campanha para enfrentar a Reforma Administrativa

Enquanto a população está ocupada tentando sobreviver à pandemia de Covid-19 propositadamente descontrolada, o governo de Jair Bolsonaro atropela a democracia, com o apoio do Congresso (cuja ampla maioria está comprometida com os interesses apenas das elites) para reduzir os serviços públicos, que são necessários para garantir uma vida mais digna à população.

Foi assim com a PEC Emergencial, e agora a bola da vez é a chamada Reforma Administrativa – Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 32/2020 -, criada para transferir a responsabilidade sobre os serviços públicos para a iniciativa privada.

Como o governo sabe que 2/3 da população são contrários às privatizações, traçou uma nova estratégia: fragilizar os servidores, reduzindo proteções contra assédios, desmandos e incentivos à corrupção (acabando com a estabilidade, por exemplo), alterar as formas de contratação, e abrir a possibilidade para uma terceirização cada ainda mais ampla.

Diante dessa ameaça, a APUB não se calará. Por isso, lançamos uma campanha contra a Reforma Administrativa. Será nosso grito de guerra, em defesa de todo o funcionalismo brasileiro e do direitos da população a uma vida mais digna:“O serviço público é o futuro do Brasil”.

Uma campanha de todos nós

Nossa campanha trata da tirania que molda a Reforma Administrativa, e que afeta não apenas os servidores e os serviços públicos, mas toda a sociedade (especialmente as camadas mais pobres).

Diferentemente do texto da PEC 32/2020, que não apresenta qualquer embasamento técnico para sua implementação, nossa campanha será fortalecida por dados, pesquisas e muita informação valiosa.

Vamos defender o setor público e alertar sobre os perigos que o projeto do governo representará para a sociedade.

E vamos mostrar a importância das universidades e dos institutos federais para o nosso país, em oposição às mentiras do governo que tenta, a todo custo, jogar a população contra nós.

Sua participação é fundamental

Em meio à pandemia do novo Coronavírus, nossa mobilização nas redes sociais é nossa principal força na luta contra a Reforma Administrativa e contra os demais projetos que fragilizam direitos dos docentes e dos demais servidores.

Por isso, será muito importante que você interaja com a nossa campanha, curtindo nossas postagens e, principalmente, dialogando sobre os temas debatidos e compartilhando as mensagens.

Aproveitar a conectividade das redes sociais é a melhor forma de fazer as informações verdadeiras chegarem mais longe.

Estamos em uma batalha pela opinião pública, para enfrentar a contaminação causada pelas mentiras do governo, espalhadas pelo “gabinete do ódio” e pela milícia digital (sustentada, inclusive, com recursos públicos) que atua dia e noite para jogar a população contra os servidores.

É gerando engajamento online que chegaremos mais longe, e faremos nossas vozes alcançarem cada vez mais pessoas.

Aqui estão as primeiras publicações da campanha :

No Facebook, no Instagram e no site

No Facebook, no Instagram e no site

No Facebook, no Instagram e no site

No Facebook, no Instagram e no site

Participe ativamente de nossa campanha. Se estivermos juntos, podemos vencer a Reforma Administrativa, proteger nossos direitos e salvar o futuro do Brasil!


Compartilhe no Facebook e Instagram

Fonte: APUB

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu