Apub divulga pauta de reivindicações para o EBTT construída pelo Proifes

O Proifes divulgou nesta terça-feira (30), a minuta de reivindicações a ser negociada com o governo, de acordo com as necessidades apresentadas pelos docentes de EBTT (Ensino Básico Técnico e Tecnológico).

– Regulamentação do artigo 120 da Lei 11.784/2008, referente à progressão na carreira de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (EBTT), com possibilidade à participação crítica do PROIFES na elaboração da redação final de seu texto

– Defesa do interstício de 18 meses para fins de progressão, desde a publicação da Lei 11.784/2008

– Defesa da progressão por titulação para D2 ou D3, independente de interstício, até que seja publicada a regulamentação da carreira de EBTT

– Criação imediata de banco de professor equivalente para as unidades de Educação Infantil, Colégios de Aplicação e Escolas Técnicas vinculadas às Universidades, bem como para toda a Rede Federal de Ensino Básico e Tecnológico ainda não contemplada

– Instalação de Grupo de Trabalho do EBTT, conforme Termo de Acordo (2008), mantendo a convergência com o MS

– Defesa do cumprimento do acordo do MERCOSUL que trata do reconhecimento Interna Corporisdos títulos de Mestre e Doutor obtidos no âmbito do MERCOSUL

– Implementação da resolução do CNE que fixa normas para o funcionamento das Unidades Universitárias de Educação Infantil no prazo de 360 dias

– Flexibilização da RAP (Relação Aluno e Professor) de acordo com a especificidade de cada segmento

– Flexibilização para o controle de freqüência docente para toda a Rede Federal de Educação Tecnológica, nos padrões do Ensino Superior

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu