Professores, estudantes e servidores realizam ato unificado em defesa da educação

Hoje, 15, pela manhã aconteceu o ato unificado dos Comandos de Greve de docentes, estudantes e dos técnicos-administrativos da UFBA, em defesa da educação e da classe trabalhadora, e contra o ajuste fiscal promovido pelo governo federal.A abertura da atividade foi em frente à Reitoria e seguiu pela Avenida Sete até a Praça da Piedade. As entidades representantes das categorias – APUB, ASSUFBA e DCE – ressaltaram a necessidade de dialogar com a população sobre a situação das universidades públicas e da educação pública no atual contexto de contingenciamento de verbas, que atinge outros setores. “Precisamos ir às ruas e dialogar com os trabalhadores e trabalhadoras, que estão sendo atingidos com a política de ajuste fiscal, construindo a unidade em torno das pautas comuns”, disse a vice-presidente da APUB, Livia Angeli.

Além disso, durante a caminhada os participantes afirmaram a importância da universidade para toda sociedade baiana, conclamando a participação popular nas atividades previstas durante a greve. ” Esse ato também tem a finalidade de exigir do governo uma resposta aos docentes, que estão esperando uma contraproposta em relação ao reajuste salarial e à carreira. E isso é defender a universidade”, afirmou Cláudia Miranda, presidente da APUB. “Mas é importante lembrar que a UFBA é mais do que uma instituição de ensino, ela presta serviço à população de Salvador. Portanto, o corte no orçamento atinge à todos, não somente à comunidade acadêmica”, finaliza.

A atividade faz parte do calendário de mobilizações da greve UFBA. No dia 17 de junho, acontecerá o ato “Universidade na Praça, em defesa da juventude e dos trabalhadores(as)”, às 9h na Praça da Piedade, dando continuidade à agenda unitária, prevista pelos três Comandos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu